segunda-feira, 16 de novembro de 2015

" Naquele dia tudo parecia se conjugar para dar certo, mas o Tempo, esse infindável Senhor indomável, trocou-me as voltas. O que era dado como adquirido passou a não garantido, e eu, voltei a percorrer as ruas da incerteza, como se tivesse que começar tudo pelo início. São começos e recomeços que levo desta vida onde nada posso dar como garantido.
Como o homem é frágil mediante a vontade do Tempo. "
 
Micro conto - Q. A.

Sem comentários:

Enviar um comentário