quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Temos um país entregue à incompetência, ao compadrio e a uma gentinha que se gosta de ver na passadeira vermelha, como se isso fosse glorificante, ou bom para a... o bem comum.
Temos grades na sociedade que 42 anos de democracia ainda não conseguiram destrui-las. Temos os pobres a pagar os erros dos ricos, e estes mesmos ricos a passarem impunes à nossa frente.
A ganância dos salários milionários é de tal forma evidente que os nossos políticos parlamentares, aqueles que ditam o nosso futuro, mesmo contra vontade do povo, destrocem a justiça social.
A justiça social não está em nenhum partido político, está na consciência do ser humano, no ser solidário, e que os tecnocratas corrompem as mentes, com promessas irrisórias.
Q.A.
Foto: # 33688FA