sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Tudo começa numa subida ao planalto. Encontro tudo aquilo que menos espero, e que em outro lugar, certamente, não seria capaz de observar.
Agora que aprendi a ver a vida selvagem sem a maltratar, penso que estou preparado para encontrar paz num outro lugar mais avesso aos meus objetivos de vida.
Aprendi a amar o mais pequeno ser, numa observação mais atenta.
Foi duro, mas foi gratificante apurar os sentidos.
Sei agora, que a vida não se limita ao ser humano, é todo um conjunto de fauna e flora que deve ser respeitado da melhor forma possível. Isto não é ser fundamentalista, é saber conviver com as adversidades e respeitar quem merece ser respeitado.
Q.A.
Fotografia: # 33688FA I.F.P.O.