quarta-feira, 2 de agosto de 2017

COMO FICAR PARA TRÁS...

Escolhi esta foto deste pedregulho milenar como símbolo de um Portugal abrutalhado.
No fundo só terá beleza na sua apresentação exterior, porque interiormente temos um Portugal, obscuro, governado por obscuridade e estranhezas nas suas entranhas.
Preste a secar os seus fundos de reserva, continuamos a deixar para as gerações futuras todas as incompetências e más gestões dos fundos que nos são entregues de mão beijada. Governados por uma ideologia(s) que é bonita aos olhos de quem não tem responsabilidades com o futuro de um Portugal que se queria desenvolvido, e que estranhamente perece afundado em dívidas nos honorários públicos. É tão fixe ser de esquerda e fazer vida de burguês à custa do Estado que descarrega as suas despesas no contribuinte mais carenciado. Podemos até termos (homens) mágicos no futebol, mas nunca deixaremos de ser uma cambada de incultos, e preparadores da vida alheia.